Mossoró/RN, 28 de Outubro de 2021

RN1500: Mem Motorsport lidera a prova na protótipo após dois dias de competição

O RN1500 concluiu nesta sexta-feira sua 2ª etapa e fechou a 1ª metade da competição com uma prova muito técnica, oferecendo uma excelente variação de tipos de terreno. Ontem, 1º dia, a etapa de abertura contou com 80km de areia em sua melhor forma e depois se lançou sertão adentro; saindo do litoral, da cidade de São Miguel do Gostoso, rumo a Assu. Foram 151km de trecho cronometrado que deram a Mem Motorsport o 1º e 2º lugares na categoria protótipo.

Hoje, dia 5, aconteceu a 2ª etapa da competição, com largada e chegada na cidade de Assu. Com trilhas estreitas e exigentes, a prova levou os competidores do sol a chuva. E a água deixou a especial do dia ainda mais lisa, perigosa e desafiadora. Melhor para Marcos Moraes/ Fábio Pedroso e seu T-Rex, que pelo segundo dia consecutivo fizeram o melhor tempo na protótipo e pontuaram em 4º na geral. Vale lembrar que com esses resultados a dupla segue líder em sua categoria no somatório geral.

Lucas Moraes e Kaique Bentivoglio, que ontem pontuaram em 2º lugar, infelizmente, na etapa de hoje tiveram problemas com o seu Sherpa V8 e não conseguiram concluir a especial.

Foi assim

“ Essa segunda etapa foi bem difícil, muito diversificada, arriscada mesmo. Era rápida e sinuosa, tinha pedras, erosões, piso liso e tudo isso numa trilha estreita e traiçoeira. Some a isso uma mega chuva no meio da especial. Andamos bem, mas poderíamos ter andando ainda melhor pois tivemos problemas com nosso limpador de para-brisas. Nosso guincho d’agua estava desregulado e a água jorrava para cima, então molhava pouco o vidro e como o barro era pesado não conseguíamos limpar bem. Isso nós fez correr com uma visibilidade limitada, e em uma dia como hoje, competir sem visão plena tornou tudo ainda mais desafiador”, nos conta Marcos Moraes.

Amanhã

A expectativa para a segunda fase do RN1500 é que a prova continue a elevar seu nível técnico e a competitividade em todas as categorias. Faltam agora mais duas etapas e a deste sábado será a maior delas, com  220km totais e 184km de trecho contra o relógio, saindo de Assu e seguindo para Currais Novos, o que significa mais sertão, mais chuva, mais lama e muito mais emoção.

Postado em 5 de abril de 2019