Mossoró/RN, 06 de Dezembro de 2021

Câmara entrega nesta quarta ofício solicitando ao TCE auditoria em recursos dos royalties

A Câmara Municipal de Governador Dix-Sept Rosado aprovou, à unanimidade, requerimento de autoria do vereador Genivaldo Felipe da Silva, conhecido por Brejeirinho, para que o Tribunal de Contas do Estado (TCE) realiza auditoria nas contas dos royalties de petróleo referentes aos anos de 2017 e 2018, os dois primeiros anos do governo do prefeito Antônio Bolota.

No requerimento, Brejeirinho justifica que não existem sinais da aplicação dos recursos extras que entraram nos cofres do Município nos últimos dois anos, que mais que multiplicaram os valores, comparando com o mesmo período da gestão anterior.

O requerimento foi aprovado em 09 de maio. O ofício solicitando a auditoria será entregue nesta quarta-feira (29) pelo vereador Brejeirinho ao presidente do TCE, Poti Junior, em Natal..

Conforme os dados oficiais da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) divulgados nesta segunda-feira (27) pelo PORTAL DO OESTE, nos 29 meses iniciais do governo Anax Vale, de janeiro de 2013 a maio de 2015, a Prefeitura de Governador Dix-Sept Rosado recebeu R$ 10.895.405,66 em royalties, em média R$ 375.703,64 por mês.

Já no mesmo período da gestão Bolota, de janeiro de 2017 a maio de 2019, o volume é bem maior. Foram R$ 24.008.507,32 em 29 meses, média de R$ 827.879,56 por mês. Mais que o dobro em relação ao governo anterior, crescimento superior a 120% ou R$ 13.113.101,66 a mais.

Postado em 28 de maio de 2019