Mossoró/RN, 29 de Maro de 2023

Rosalba tenta ampliar jornada de auditores fiscais, mas sofre inesperada derrota

A prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, até tentou dar um presente de grego aos auditores fiscais municipais no final de ano. Ela só não contava com uma inesperada derrota na Câmara de Vereadores.

Rosalba enviou ao legislativo projeto de lei que aumentava a jornada de trabalho dos auditores fiscais, de 30 para 40 horas. Só que pressionados pela presença dos auditores na Casa e pelo edital do concurso público para contratação desses profissionais, a maioria dos vereadores, incluindo governistas, acabou rejeitando essa mudança.

O projeto foi apresentado na sessão extraordinária convocada pela prefeita e realizada na da segunda-feira (30). Só que os trabalhos foram encerrados sem qualquer votação, após vereadores governistas esvaziarem o plenário, diante da rejeição ao aumento da jornada de trabalho dos auditores fiscais.

Uma nova convocação extraordinária foi feita pela presidente da Casa, Izabel Montenegro, e, só então, o projeto foi aprovado, mas com uma emenda que descartou a ampliação da jornada de trabalho. Foi, talvez, a primeira e única derrota de Rosalba na Câmara em todo o ano de 2019.

Foto: Edilberto Barros/CMM

Postado em 1 de janeiro de 2020