Mossoró/RN, 18 de Abril de 2021

Escolas públicas do RN estarão abertas para o Dia da Matrícula em 03 de fevereiro

Escolas públicas de todo o Rio Grande do Norte estarão com as matrículas abertas para o início do ano letivo de 2020. Segundo o Censo Escolar, o Rio Grande do Norte teve em 2019, 2.735 escolas ativas, atendendo a 629.515 alunos. Neste ano, a União dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME-RN) promove em parceria com a Secretaria de Estado da Educação, da Cultura, do Esporte e do Lazer do Rio Grande do Norte – SEEC/ RN e o UNICEF Brasil a campanha  “Hora da Matrícula”, ação em que  as redes se mobilizarão para promover matrícula, ou rematrícula nas escolas, unindo as equipes da Busca Ativa Escolar.

Para isso, no dia 03 de fevereiro ocorrerá o “Dia M”, onde todas as escolas públicas, municipais, estaduais, bem como as sedes das Secretarias Municipais de Educação estarão abertas das 8 às 17h para matricular e esclarecer sobre ingresso, ou reingresso nas instituições de ensino. As mesmas ações ocorrerão nas Diretorias Regionais de Educação e Cultura (DIREC).

Segundo o presidente da Undime no Rio Grade do Norte e Dirigente Municipal de Educação da cidade de Monte Alegre, Alexandre Soares Gomes, a iniciativa requer sensibilizar a sociedade para que matriculem as crianças, adolescentes e jovens. O ensino obrigatório começa a partir de 4 anos, se a criança faz 4 anos até 31 de março de 2020, tem que matricular.  Se alguém desistiu de estudar, essa também é hora de retornar à escola. A Busca Ativa Escolar quer reintegrar ao espaço educacional; e nós do Rio Grande do Norte também. “Nosso propósito é unir forças e garantir o acesso e permanecia a educação. Temos estimulado que as secretarias municipais e as diretorias regionais, promovam ações na escola e nas ruas para que a comunidade se sinta pertencente a essa escola. Precisamos assegurar educação pública e de qualidade a todos”, afirma o professor Alexandre.

Dados de matrículas – crianças e adolescentes, distorção idade-série e abandono, Redes públicas municipais e estaduais (Censo Escolar 2018 – INEP/MEC/) e a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD/2017) mostram que o Rio Grande do Norte tem 50.865 crianças e adolescentes fora da escola; 30.399 não localizadas e 164.435 em distorção idade-série.

Estes números preocupam gestores de todo o Rio Grande do Norte.  Para ajudar os municípios nesta campanha, a undime-RN disponibiliza em seu site (https://rn.undime.org.br/) materiais diversos; é possível baixar e editar materiais gráficos para que os municípios façam o uso e se precisarem incluam suas logomarcas na campanha. No site encontra-se também cartaz, faixa, panfletos, além disso spot para ser utilizado em carros de som e/ou em emissoras de rádio.

“Nos materiais de apoio gráfico foi aplicado o Código QR, para que ao apontar a câmera do celular os pais, ou responsáveis localizem os contatos telefônicos de todas as secretarias municipais e DIREC para identificar a unidade de ensino mais próxima das suas residências. Para isso reiteramos que o acolhimento neste momento é muito importante”, reforça Alexandre.

Meta do Selo Unicef

Os 156 municípios que estão incluídos no Selo UNICEF tem até o dia 31 de março, como prazo da meta de (re)matrículas da Busca Ativa Escolar,  que corresponde à ação de validação 2.1, obrigatória, que faz parte do Resultado Sistêmico 2 – Programa de busca ativa, inclusão e acompanhamento de crianças e adolescentes na escola implementado. Como indica a metodologia do Selo UNICEF, cada município participante da atual edição deve alcançar a meta de 20% de (re)matrículas, cujo valor absoluto é específico para cada município e já foi disponibilizado na Plataforma Crescendo Juntos (PCJ).

Postado em 30 de janeiro de 2020