Mossoró/RN, 06 de Maio de 2021

Rosalba não tem pressa para matar fome de estudantes

Em doses homeopáticas. É assim que está sendo a distribuição de alimentos para estudantes das creches e escolas municipais e famílias pelo governo Rosalba Ciarlini.

Nos dias 17, 18, 20 e 22 foram atendidas 14 Unidades de Ensino Infantil, com direito a suspensões no domingo e feriado.

Agora, depois de mais um dia de folga (nesta quinta-feira), as creches que ainda não foram atendidas foram deixadas de lado, e nesta sexta-feira (24) serão atendidas cinco escolas.

O calendário que está sendo cumprido não deixa dúvidas: Rosalba não tem pressa para matar a fome dos estudantes.

Em Mossoró, para receber o chamado kit de alimentação tem que ter sorte. Deve ser esse o critério adotado pela Prefeitura de Mossoró.

Afinal, o que explica crianças de comunidades como a Malvinas, por exemplo, ter que esperar pela boa vontade de um calendário de entrega, para ter acesso a alguns quilos de feijão e arroz?

Rosalba poderia cobrar mais agilidade. Mas qual a pressa? A fome pode esperar.

Postado em 23 de abril de 2020