Mossoró/RN, 19 de Abril de 2021

Candidato a vice-prefeito em 2012, advogado dá chilique e ataca pesquisa da Comissão da Diversidade Sexual da OAB e comunidade LGBTSQ+

Candidato a vice-prefeito de Mossoró nas eleições de 2012, o advogado Jose Marle deu chilique e atacou uma pesquisa da Comissão da Diversidade Sexual da OAB/RN.

Em um grupo do aplicativo Whatsapp denominado “Advogados Mossoró/RN”, Jose Marle de Queiroz Lucena disse que a pesquisa lhe dava “náusea, nojo, asco e mais outros espasmos de repugnância”.

Não satisfeito, Jose Marle continuou com o ataque e classificou a pesquisa como algo sem importância e destilou ódio contra a comunidade . “Com tantas coisas importantes para se tratar em prol da classe, esses petralhas/LGBTSQ+TTTP. Vem com todos seus “ouriços” querer saber quem é contra ou a favor de quem queima os “carriteies”,”, disse em mensagem no aplicativo.

Em nota, a OAB/RN e a OAB/Mossoró informou que outros advogados se juntaram a Jose Marle nas manifestações homofóbicas.

A instituição repudia tal comportamento e afirmou que os fatos estão sendo apurados desde que a Comissão da Diversidade e Minorias tomou conhecimento, em conjunto com a Comissão da Diversidade Sexual da OAB/RN, “para que todas as medidas administrativas, civis e criminais sejam tomadas.”.

José Marle foi candidato a vice-prefeito de Mossoró em 2012 na chapa encabeçada pelo professor Josué Moreira.

Postado em 29 de junho de 2020