Mossoró/RN, 29 de Setembro de 2022

Rosalba é alvo de ação do MP Eleitoral por uso de ações da Prefeitura para promoção pessoal

O Ministério Público Eleitoral (MPE), por meio da Promotoria Eleitoral em exercício perante a 34ª Zona Eleitoral, instaurou Procedimento Preparatório Eleitoral para verificar possível prática de conduta vedada praticada pela prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, ante a inobservância ao uso de materiais e serviços para promoção em favor de candidato de serviços custeados pelo Poder Público, bem como o uso da publicidade institucional.

No Procedimento, o promotor eleitoral Lúcio Romero Marinho Pereira, observa que Rosalba intensificou a divulgação de ações, utilizando as redes sociais (facebook e instagram) pessoal e da Prefeitura Municipal de Mossoró, “fazendo e permitindo o uso promocional em seu favor, com a publicidade dos atos, programas, obras, serviços e campanhas dos órgãos públicos, sem caráter educativo, informativo ou de orientação social, em não observância a inserção de nomes, símbolos ou imagens, caracterizando promoção pessoal de autoridades ou servidores públicos”, destaca.

O promotor diz ainda que os fatos dissecados podem configurar a prática de conduta vedada a agentes públicos, do gênero abuso de poder.

Lúcio Romero determinou que junte-se aos autos prints com a publicidade dos atos de Rosalba nos perfis das redes sociais (facebook e instagram) pessoal e da Prefeitura de Mossoró.

Em nota, a Prefeitura Municipal de Mossoró afirmou que “os fatos narrados na matéria foram objeto de representação eleitoral que foi julgada improcedente pela Justiça Eleitoral de Mossoró”.

 

Postado em 27 de agosto de 2020