Mossoró/RN, 22 de Abril de 2021

Vereadores fazem balanço da eleição 2020 ocorrida no último domingo

A eleição de domingo (15) foi tema principal na Câmara Municipal de Mossoró, hoje (17). Vereadoras e vereadores, reeleitos ou não, comentaram o resultado, em pronunciamentos no plenário. A partir de 2021, com 23 vagas, o Legislativo terá 17 parlamentares novatos e seis veteranos.  

Na tribuna, o vereador Ricardo de Dodoca (Pros) agradeceu pela reeleição. Disse-se grato ao povo por ter sido, mais uma vez, um dos vereadores mais votados de Mossoró – sexto lugar, com 2.324 votos.  

“Foi uma campanha difícil, minha família dividida em três candidaturas a vereador. Mas, quanto mais surgiam dificuldades, mais a gente crescia. Agradeço a Deus e aos amigos pela recondução à Câmara”, disse Ricardo, ao lamentar a derrota da prefeita Rosalba Ciarlini.  

Crescimento  

Apesar de não reeleita, a vereadora Aline Couto (PSDB) agradeceu pelos votos: sua votação saltou de 916 em 2016 para 2.259 em 2020. O resultado, segundo ela, mostra a aprovação popular do seu trabalho.  

Ela assegurou continuidade do trabalho. “Continuarei na vida pública, lutando pela população, sem mandato eletivo, como fiz a maior parte da minha vida. Permanecerei a abraçar as causas da população de Mossoró. Não esperarei pela próxima campanha”, asseverou. 

Agradecimento 

Outro não reeleito, o vereador Ozaniel Mesquita (Democratas) agradeceu os seus 1.460 eleitores. “Tenho a consciência do dever cumprido. Posso andar pelas ruas de Mossoró sem medo de ser chamado de covarde ou traidor, pois sempre mantive minha postura de servir ao povo”, comentou. 

Também agradeceu ao trabalho e apoio de sua equipe, parabenizou colegas vereadores reeleitos e novatos e desejou sorte ao prefeito eleito Allyson Bezerra. Entende que todos encontrarão dificuldades, mas torce para que encontrem o melhor caminho para uma Mossoró melhor. 

Balanço partidário 

O vereador Gilberto Diógenes (PT) considerou inadequada afirmações de que o PT foi o grande derrotado e caminhava para o fim. “O PT herdou a luta dos trabalhadores contra o capitalismo e, enquanto existir alguém mendigando migalhas por esse país, o Partido dos Trabalhadores existirá”, disse, ao informar que a legenda elegeu em todo país 2.584 vereadores, 189 prefeitos e ainda estará na disputa em 15 cidades no segundo turno. 

Gratidão 

O vereador Petras (Democratas) também se mostrou grato pelos votos recebidos na eleição deste ano, embora não reeleito. Afirmou ainda continuará trabalhando em prol da população mossoroense, mesmo sem ocupar uma das cadeiras do legislativo. 

Petras destacou o trabalho desenvolvido durante o mandato, principalmente aqueles relacionados às pautas em defesa de pessoas com deficiência e autistas. “Continuarei defendendo estas questões, assim como já defendia antes de ser vereador. Agradeço a todos que confiaram o voto a mim e acreditaram no nosso trabalho”, reforçou. 

Sucessão 

Última a ocupar a tribuna, a presidente da Câmara, Izabel Montenegro (MDB), agradeceu os votos à filha Carmem Júlia (MDB), eleita em segundo lugar.  

“Agradeço a todas as pessoas que acreditaram no projeto e elegeram minha filha vereadora. Fizeram a justiça ao reconhecerem a minha história de luta ao elegerem Carmem Júlia”, afirmou Izabel Montenegro, ao destacar dificuldades da campanha, feita em apenas 20 dias. 

Postado em 17 de novembro de 2020