Mossoró/RN, 07 de Dezembro de 2021

Mossoró sedia final do Campeonato Potiguar de Poesia Falada neste domingo (27)

“Poetry Slam” é uma expressão de origem inglesa, que pode ser traduzida como “batida de poesia”. O gênero surgiu na década de 1980 nos Estados Unidos, mas só nos últimos anos vem se tornando popular no Brasil e sendo convencionalmente conhecido como o campeonato de poesia falada autoral, ocorrido em praças, auditórios, teatros e escolas. No Rio Grande do Norte, as cidades de Mossoró, Natal e Currais Novos já aderiram ao gênero. No próximo domingo (27), poetas e poetisas das três cidades irão se reunir pela primeira vez. O encontro será a final do Campeonato Estadual de Poesia Falada e irá selecionar o/a campeã/o para representar o Rio Grande do Norte no Campeonato Brasileiro de Poesia Falada, o Slam BR, que acontece em dezembro, em São Paulo.

O tradicional e recém reinaugurado Teatro Lauro Monte Filho será o palco desse evento, que começa as 16h. O encontro tem um caráter popular e a maioria dos seus competidores são jovens de periferias. Ao mesmo tempo, o Slam tem sido conhecido em Mossoró como uma forma de emancipação e incentivo a escrita criativa, sendo constantes os convites dos artistas locais para escolas e universidades locais. Com isso, a parceria com a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) possibilitou o evento se tornar gratuito e ainda incluso no calendário oficial da instituição.

Ao longo do ano, foram organizadas cinco etapas em cada cidade para selecionar uma pessoa por edição, com poesias autorais de até três minutos. A resistência é marca registrada nas poesias dos artistas selecionados. Por isso, temas como luta contra o racismo, a homofobia, o sexismo e o questionamento sobre retrocessos na educação e na cultura para a juventude são assuntos dominantes nas poesias desses jovens competidores.

Além da final, o evento será aberto com um pocket show com a presença de três rappers: MC Magi (Currais Novos); Pretta (Natal) e Carlos Guerra Júnior (Mossoró). Esse último apresenta-se fora do estado com o nome artístico Mossoró Rapentista. Haverá ainda possibilidade de microfone aberto nos intervalos da competição.

A parceria com a Diretoria Regional de Educação e Cultura (12ª Direc) ainda garantiu o transporte gratuito, que irão circular entre as escolas de ensino estadual de Mossoró. Para acessar aos ônibus bastam estar na rota no horário definido, portando um documento oficial com foto. Menores de idade precisam de acompanhamento dos pais ou autorização, na qual o modelo-base de autorização pode ser solicitada no email mossororapentista@gmail.com.

Seguem as rotas:

Ônibus 1:

Ponto 1: Escola Estadual Diran Ramos do Amaral (Redenção). 15h

Ponto 2: Escola Estadual Hermógenes Nogueira (Abolição 4). Previsão de passagem: 15h20min

Ponto 3:Escola Estadual Jerônimo Rosado (Estadual – Santo Antônio). Previsão de passagem: 15h40min

Ônibus 2:
Ponto 1: E.E. José Nogueira (Santo Antônio). Previsão de passagem: 15h

Ponto 2: E.E. Cunha da Mota (Paredões). Previsão de passagem: 15h20min                      

Ponto 3: Centro de ensino Educandário Bezerra de Sales (Aeroporto 1). Previsão de passagem: 15h40min

Ônibus 3:

Ponto 1: E.E. Raimundo Gurgel  (Belo Horizonte). Previsão de passagem: 15h

Ponto 2:  E.E. Moreira Dias (Doze Anos). Previsão de passagem: 15h20min

Ponto 3: E. E. Nossa Senhora de Fátima (Aeroporto 2) . Previsão de passagem: 15h40min

Ônibus 4:

Ponto 1: E.E. Manoel João  (Alto de São Manoel). Previsão de passagem: 15h

Ponto 2: E.E. Vasconcelos (Planalto 13 de maio). Previsão de passagem: 15h20min

Ponto 3: Maria Stella/Ceep (Alto de São Manoel). Previsão de passagem: 15h40min       

Postado em 26 de outubro de 2019