Mossoró/RN, 21 de Junho de 2021

O que Rosalba anda fazendo com recursos da saúde, da Previ e de empréstimos?

Se tornou comum a Prefeitura de Mossoró receber e não repassar recursos da saúde. E esse é um dos motivos para a suspensão de diversos serviços do Sistema Único de Saúde (SUS) prestados pela iniciativa privada.

O Hospital Wilson Rosado, por exemplo, interrompeu neste segunda-feira (28) cirurgias, exames e internações em leitos de UTI por falta de pagamento.

Tanto o Município quanto o Estado estão em atraso. Mas chama a atenção o fato de a Prefeitura de Mossoró receber recursos do Ministério da Saúde e não fazer o pagamento dos prestadores de serviço.

Afinal o que a prefeita Rosalba Ciarlini ainda fazendo com recursos que já chegam com destino certo, mas se “perdem” quando entram nos cofres de Mossoró?

Na prática,é mais um ato de improbidade administrativa cometido por Rosalba. A prefeita já alvo de ação do Ministério Publico do Rio Grande do Norte (MPRN) por não repassar contribuições da Previ Mossoró.

E não para por aí. Rosalba também desconta, mas não repassa os valores referentes aos empréstimos consignados feitos por servidores municipais na Caixa Econômica Federal. Há meses de atrasos.

Mesmo assim, se apropriando de recursos diversos e aumentando o rombo nos cofres públicos do Município, Rosalba anda dizendo que fez Mossoró recuperar seu poder de endividamento. Só acredita nessa conversa os 14 vereadores que aprovaram um empréstimo de R$ 150 milhões para a prefeita usar em 2020 no seu projeto de reeleição.

Se o ex-prefeito Silveira Júnior deixou um rombo de R$ 150 milhões, como fora anunciado por Rosalba no início do atual mandato, a situação hoje parece bem pior. Os atos da prefeita não negam.

 

Postado em 29 de outubro de 2019