Mossoró/RN, 28 de Julho de 2021

Sem apoio da Prefeitura, professora faz vaquinha para levar alunos à Feira do Livro

Sem o apoio da Prefeitura, uma professora da uma escola da Rede Municipal de Ensino realizou uma vaquinha com as mães para garantir a participação dos seus alunos na Feira do Livro de Mossoró, realizada de quarta-feira (30) a domingo (03) no Partage Shopping.

Docente do 3° Ano do Ensino Fundametal da Escola Municipal José Benjamim, localizada no Inocoop do Alto de São Manoel, Maria Goreth de Medeiros não cruzou os braços diante da falta de apoio da Prefeitura de Mossoró e resolveu buscar uma alternativa para cumprir a promessa feita aos seus alunos. “Como a prefeitura não disponibilizou ônibus para levar alunos de escolas municipais para a Feira do Livro de Mossoró, eu como professora responsável e incentivadora da leitura combinei com as mães para alugarmos um micro-ônibus por 200 reais e cumprir o prometido aos alunos no início do ano quando planejamos o projeto de leitura”, relata a professora.

As mães que puderam, 18 no total, contribuíram com 7 reais para a locação do veículo. O valor arrecadado ainda era insuficiente. A professora, então, colocou a diferença, 74 reais, do próprio salário. Com isso, 22 dos seus 24 alunos puderam visitar a Feira do Livro de Mossoró, um estudante estava doente e outro não teve autorização da família para participar da aula de campo.

Além de viabilizar o transporte, Goreth também assegurou que todos os alunos saísse da feira com pelo menos um livro. “Cada criança saiu com livros numa sacola. Parecia que era uma preciosidade. Deus é maravilhoso. As crianças ficaram muito felizes”, conta a professora, orgulhosa.

Apesar de não contar com o cheque-livro da Prefeitura de Mossoró neste ano, a Feira do Livro foi realizada com sucesso em sua 15ª edição, garante Rilder Medeiros, organizador do evento.

Ao PORTAL DO OESTE, Rilder garantiu a realização da 16ª edição em 2020, possivelmente no mês de agosto. antes do período eleitoral.

Postado em 4 de novembro de 2019