Mossoró/RN, 31 de Maro de 2023

Em 2020, Mossoró precisa tentar e apostar na mudança

Com os pífios três anos de gestão do atual mandato da prefeita Rosalba Ciarlini, Mossoró precisa se conscientizar que é preciso tentar e apostar na mudança em 2020.

Já está provado e comprovado que o modelo Rosalba de governar não está sendo bom para Mossoró e o seu povo. Os incontáveis problemas, de atraso de salário e falta de medicamentos, não deixam dúvidas.

O novo ano, de eleição, começa com a oposição, a mudança, tendo à disposição um poderio eleitoral que jamais teve em sua história. Sobram bons nomes e é preciso entendimento entre eles para apresentar a Mossoró um projeto que realmente seja para o seu povo.

Por ordem alfabética, temos Allyson Bezerra (Solidariedade), Jorge do Rosário (PL) e Isolda Dantas (PT) como o tripé principal que pode levar Rosalba à sua primeira derrota em eleições municipais em Mossoró. Sem falar nos professores Gutemberg Dias (PCdoB) e Telma Gurgel (PSOL) que elevam o nível de discussão política da oposição.

Rosalba nunca esteve tão desgastada e a oposição tão bem representada. A mudança bate a nossa porta e se faz necessária. Vai dar certo? Pode ser que sim. Pode ser que não. Ninguém sabe. O que já sabemos, e isso é certeza, é que Rosalba não é a solução.

Vamos às urnas. Vamos mudar. Mossoró merece e o seu povo precisa.

Postado em 1 de janeiro de 2020