Mossoró/RN, 27 de Maio de 2022

Raério Cabeção visita bairros da zona norte e encontra quadro de abandono

Entendendo que o trabalho do vereador vai além dos debates em plenário, o vereador Raério Cabeção (PSD) tem realizado visitas a diferentes pontos do município de Mossoró nas áreas urbanas e rural. Em contato com as comunidades dos bairros Santa Helena, Independência e Estrada da Raiz, todos na zona norte da cidade, o vereador disse que encontrou um quadro de total abandono por parte do poder público municipal.

No Santa Helena, encontrou a galeria com seu fluxo interrompido e isso provocou o fechamento do acesso. “Hoje carro não entra no Santa Helena e a comunidade também é obrigada a conviver com o mosquito da dengue, com vários casos sendo registrados com muita gente doente”, disse Raério. Diante do quadro, o vereador discorda do discurso que diz, basta colocar o pé fora de casa que encontra uma obra em Mossoró. “Só se for obra parada”, sentencia.

No conjunto Independência, o quadro se repete com lama e lixo em diferentes ruas, também prejudicando a acessibilidade. O quadro se agrava na Estrada da Raiz, nas proximidades do posto de combustível Santo Antônio com muitos buracos, água e lama gerando transtornos para as pessoas que precisam trafegar pelo local. “Convoco os demais colegas para cumprir o papel de fiscalizar, pois a única obra que vejo hoje em Mossoró é pintura de meio fio”, comentou. As poucas obras que existem hoje, acrescentou o vereador, estão sendo empurradas com a barriga e vão chegar ao final do ano sem conclusão.

Outros temas

O vereador, usando o grande expediente na sessão ordinária da quarta-feira, 10, criticou a informação de que estariam sobrando leitos em Mossoró utilizados para o combate ao Corid-19. Hoje a população continua procurando leitos e respiradores e não encontram.

Fechando sua fala, Raério voltou a cobrar a intensificação dos serviços de substituição da iluminação pública por lâmpadas de LED. O dinheiro, disse o vereador, existe para a execução da troca, basta ao município disponibilidade profissionais suficientes para atender a zona urbana e rural.

Postado em 10 de junho de 2020