Mossoró/RN, 18 de Maio de 2022

Apamim não informa motivo de 6 leitos de UTI estarem bloqueados há mais de uma semana; causa provável é falta de insumos

A interventora da Apamim, Larizza Queiroz, se recusa a informar o motivo de seis leitos de UTI para covid-19 estarem bloqueados há mais de uma semana, reduzindo a oferta de leitos críticos em Mossoró.

Nesta quinta-feira (02), o PORTAL DO OESTE questionou a interventora, mas não recebeu nenhuma resposta, apesar de a interventora ter lido as mensagens enviadas pelo Whatapp.

Dois 6 leitos fora de operação, 1 foi bloqueado já 9 dias e os outros 5 há 8 dias. A oferta de leitos hoje em Mossoró se resume há 49, e todos estão ocupados neste momento, de acordo com dados do sistema de regulação do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS).

O PORTAL DO OESTE apurou que a causa provável do longo período de bloqueio dos 6 leitos de UTI é a falta de insumos. “A situação tá complicada. Não tem medicamentos bloqueadores neuro muscular nem nos fornecedores.”, relatou uma profissional de saúde, que está atuando na linha de frente no combate ao novo coronavírus.

Sem reposta da interventora, não é possível fazer uma previsão de quando os leitos estarão novamente em operação.

Postado em 3 de julho de 2020