Mossoró/RN, 05 de Dezembro de 2021

Tibau recebe doação de capacete de respiração assistida Elmo

Na última sexta-feira, 12, o município de Tibau recebeu do empresário Ricardo Antônio Araújo Silva, da empresa Santa Maria Empreendimentos Imobiliários e Agrícolas, um capacete Elmo, que será utilizado pelos profissionais de saúde para salvar vidas de pacientes com a Covid-19.

De acordo com o empresário, o capacete foi desenvolvido por médicos e pesquisadores cearenses e que reduz em 60 por cento a necessidade de internação em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Durante a entrega, o empresário ressaltou que o objetivo da empresa é salvar vidas. “Testes realizados com o equipamento mostraram que o uso do Elmo pode diminuir em 60% a necessidade de internações em leitos de UTI. Isso é muito importante e tenho certeza que vai contribuir caso o município necessite utilizar”, ressaltou o empresário.

Para o médico Rodolfo Maciel, que atende no município de Tibau, o capacete é um item importante que estará dando mais condições para o paciente acometido com a Covid-19, que se encontra com dificuldades respiratórias.

O médico ressalta que o capacete Elmo tem como objetivo dar suporte maior de oxigênio “ao paciente quando vai se agravando e tendo a necessidade de se intubar, poderemos segurar o paciente aqui no município com a melhora no índice de oxigenação no sangue que se expande pelo pulmão do paciente por meio do uso do capacete Elmo. Sem dúvidas, uma ajuda que é muito bem-vinda para o município. De parabéns o empresário com essa doação e o município que passa a dispor desse novo item”, concluiu o médico Rodolfo Maciel.

Para a secretária municipal de Saúde, Márcia Cristina, a doação do capacete é de suma importância para o município de Tibau, principalmente em um momento em que os casos de Covid-19 estão aumentando, não apenas no município, mas no país como um todo.

“Essa doação chega num momento oportuno. Sendo o Elmo um dispositivo que permite ofertar oxigênio a uma pressão definida, onde a pessoa em tratamento respira com auxílio da pressurização e oferta de oxigênio. E assim, o sistema permite a melhoria na respiração e descarta a necessidade de intubação”, comentou a secretária de saúde.

Postado em 15 de março de 2021