Mossoró/RN, 27 de Outubro de 2021

Justiça arquiva investigação contra policiais antifascistas do RN

POR UOL

A pedido do Ministério Público, a juíza da 10ª Vara Criminal de Natal (RN), Lena Rocha, determinou o arquivamento do inquérito aberto em março de 2020 para investigar um grupo de 23 policiais antifascistas do Rio Grande do Norte. No relatório final do inquérito, a Polícia Civil do RN também opinou pelo arquivamento.

A investigação foi aberta no ano passado a pedido do promotor de Justiça em Natal (RN) Wendell Beetoven Ribeiro Agra e se estendeu à divulgação, em rede social, de um vídeo no qual os policiais criticavam duas megacarreatas convocadas por militantes bolsonaristas contra a estratégia adotada na época pela governadora Fátima Bezerra (PT) para garantir o distanciamento social a fim de combater a pandemia do coronavírus.

Duas carreatas já haviam sido feitas pelos bolsonaristas com os slogans “Bolsonaro tem razão” e “Brasil não pode parar”. Elas foram organizadas quatro dias depois que o presidente Jair Bolsonaro pediu, em pronunciamento em rede nacional, “a volta da normalidade” e o fim de suposto “confinamento em massa”.

Os policiais antifascistas resolveram reagir contra a movimentação bolsonarista contrária as normas sanitárias. No vídeo divulgado em 18 de abril de 2020, um dos líderes do grupo antifascista, o policial civil Pedro Paulo Chaves Mattos, o “Pedro Chê”, disse que a “brigada antifascista irá atuar” nas carreatas previstas para ocorrer em Natal e Mossoró. Ele disse que “como se trata de um flagrante, as autoridades serão comunicadas e solicitadas a efetuarem as prisões”.

A investigação da Polícia Civil apontou que “não ficou evidenciado [a] autoria dos envolvidos em infrações penais, sendo apenas um movimento de servidores da segurança pública que comungam dos mesmos ideais de pensamento de forma pacífica”. O relatório final do inquérito foi subscrito pelo delegado Anderson Dutra Tebaldi.

Veja mais em https://noticias.uol.com.br/colunas/rubens-valente/2021/09/24/policia-arquivamento-policiais-antifascistas-dossie-rio-grande-do-norte.htm

Postado em 24 de setembro de 2021