Mossoró/RN, 19 de Agosto de 2022

Câmara de Mossoró decreta luto oficial pelo falecimento de J. Belmont

 Câmara Municipal de Mossoró decretou luto oficial de três dias, com bandeiras a meio mastro, pelo falecimento do ex-vereador e ex-deputado estadual J. Belmont, nesta quarta-feira (1º). A medida foi oficializada pelo ato da Mesa Diretora 15/2021. A sessão ordinária de hoje foi abreviada, com a suspensão dos pronunciamentos nos expedientes. Apesar disso, os vereadores fizeram questão de registrar, em plenário, a importância de Belmont para Mossoró e lamentaram a perda.

O vereador Raério Araújo (PSD) informou que já estava agendada homenagem a J. Belmont, com Medalha de Reconhecimento da Câmara Municipal de Mossoró, na sessão solene em celebração à padroeira Santa Luzia, segunda-feira, (6), às 9h, no plenário. Belmont será representado, na solenidade, por familiares.

Trajetória

José Janildo Belmont, mais conhecido como J. Belmont, foi vereador em Mossoró de 1977 a 1982 pelo MDB e deputado estadual de 1983 a 1986, também pelo MDB. Como radialista, iniciou carreira no final dos anos 60, na Rádio Cabugi de Natal. Teve passagem marcante na Rádio Difusora, nos anos 70, com o programa J. Belmont Comunica Show, que depois passou a se chamar Programa Show J. Belmont. Também atuou na Rádio Tapuyo, em 1979.

Enquanto deputado estadual, entre outras ações, defendeu leis em prol da pessoa com deficiência e da profissionalização de trabalhadores domésticos. Foi fundador da Associação dos Deficientes Físicos do Rio Grande do Norte (Adern).

Homenagem

Após a sessão da Câmara, comitiva de 16 vereadores foi ao Teatro Municipal Dix-huit Rosado, aguardar a chegada do corpo de Belmont. Parlamentares conduziram o caixão ao hall do teatro, local do velório. Outros vereadores e vereadoras também foram se despedir do ex-deputado. O sepultamento está previsto para as 16h, no Cemitério Novo Tempo.

O presidente da Câmara, Lawrence Amorim (Solidariedade), lamentou a perda de Belmont. Destacou que, como comunicador e político, marcou época em Mossoró. “Belmont será lembrado como prestador de serviço ao povo, no rádio, no Parlamento e nas demais funções que exerceu”, enalteceu.

Postado em 1 de dezembro de 2021