Mossoró/RN, 14 de Agosto de 2022

Mossoró perde mais de 4.700 doses da vacina Pfizer; Prefeitura diz que “população não quer”

Por g1RN

A Secretaria de Saúde de Mossoró confirmou nesta terça-feira (28) a perda de 4.782 doses da vacina da Pfizer contra a Covid-19. Os imunizantes passaram do prazo de validade após o descongelamento e não podem mais ser utilizadas.

O coordenador do programa municipal de imunização, Etevaldo de Lima, explicou que após o descongelamento as vacinas devem ser aplicadas em até 31 dias.

“Público nós temos. O que está faltando é parte desse público buscar a vacinação contra a covid. Nós usamos de todas as estratégias, pontos extras de vacinação, vacinamos de domingo a domingo, porém a população não quer”, disse Etevaldo.

A Prefeitura de Mossoró divulgou nota sobre o assunto. Confira abaixo:

NOTA OFICIAL

Com a campanha Mossoró Vacina, a Secretaria Municipal de Saúde de Mossoró segue intensificando diariamente a busca ativa da população que ainda não tomou a 2ª dose da vacina contra a Covid-19. O município realiza diariamente força-tarefa, inclusive com pontos extras, para vacinação da população.

Destaca-se ainda que o município age para garantir a qualidade dos imunizantes garantindo a proteção de acordo com sua validade. No município, não ocorreu perda de vacinas por falta de armazenamento ou translado inadequados.

Os servidores da saúde atuam vacinando todos os públicos definidos pelo Programa Nacional de Imunização (PNI), inclusive com atendimento especial aos que têm dificuldade de locomoção, idosos, enfermos. Reitera o fenômeno nacional da queda na procura pela segunda dose, é uma dificuldade enfrentada com variadas medidas e campanhas de esclarecimento

Desde o início da campanha, a Prefeitura de Mossoró adotou medidas de enfrentamento à Covid-19, bem como de vacinação em massa, que se tornaram referência no estado e no país.

Todas as 47 unidades básicas de saúde do município estão à disposição para vacinação. Em parceria com a Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (FIERN), o ginásio do Sesi também foi aberto para vacinação. Em pouco mais sete meses funcionando, foram aplicadas mais de 180 mil doses de vacinas no local.

Além disso, com recursos próprios, o município abriu o Centro de Testagem e Centro de Vacinação. Funcionando no Ginásio de Esporte Pedro Ciarlini, em área central da cidade, a vacinação ocorreu diariamente, incluindo fins de semana e feriados.

Atualmente, a população conta também com pontos extras de vacinação em farmácias, shopping, centros comerciais e outros, em uma parceria da iniciativa privada com o município. Também é fruto dessa parceria a doação de cinco refrigeradores para armazenamento de vacinas. A doação foi feita pela Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) e Rede Drogasil na última terça-feira, 21.

De acordo com dados do RN Mais Vacina, o município de Mossoró tem 196.865 pessoas vacinadas com D1 e D2. Ao todo, 474.039 doses foram aplicadas desde o início da vacinação, somando primeira, segunda e terceira dose.

Desde o início do período de vacinação, o município se destaca na agilidade da aplicação das vacinas. A Secretaria de Saúde montou força-tarefa para assim que as doses chegassem ao município logo fossem distribuídas para os pontos de vacinação.

“Sempre prezamos pela agilidade da vacinação, fazendo com que a partir da chegada de novo lote do produto no estado, rapidamente realizássemos a distribuição dos imunizantes para os pontos de vacinação, fazendo com que o povo fosse logo atendido”, afirmou Morgana Dantas, titular da Secretaria de Saúde.

Postado em 28 de dezembro de 2021