Mossoró/RN, 08 de Dezembro de 2022

Primeiro ano do mandato de Allyson não é o que a oposição pinta, nem o que o governismo desenha

O primeiro ano do mandato do prefeito Allysson Bezerra parece um desastre sobre os olhares de uns, mas também uma revolução na retina de outros. Mas, na verdade, não foi nenhuma coisa, nem outra. Não há nenhum problema que os mossoroenses ainda não tivessem visto, nem as soluções que há tempos são esperadas.

Allysson até aqui fez o trivial. Tá gastando e se aproveitando dos recursos do Finisa. Mas um projeto daqueles, que a gente não enxerga desde os tempos de Dix-Huit, não tem. Mas também não há na gestão atual problema novo, que não seja continuidade das últimas gestões.

Então, meu povo, não há motivos para críticas ferrenhas e nem para elogios fervorosos. Mossoró segue seu caminho, praticamente na mesma velocidade de sempre, ainda na expectativa de saber se vai pra frente ou pra trás. O tempo ainda dirá.

Postado em 4 de janeiro de 2022