Mossoró/RN, 08 de Dezembro de 2022

Empresa recupera trechos críticos da RN-129

A ENGIE Brasil Energia, proprietária do Conjunto Eólico Santo Agostinho, projeto que está sendo implantado em Lajes e Pedro Avelino, no Rio Grande do Norte, está reformando trechos críticos e recuperando bueiros celulares da RN-129, rodovia estadual que dá acesso às cidades de Lajes e Pedra Preta. Os trabalhos de reforma começaram em janeiro, compreendendo o acesso da RN-129 em Lajes até a estrada de acesso à comunidade 03 de Agosto, e a previsão é que sejam concluídos em até quatro meses.   

A recuperação da RN-129, dada a precariedade da estrada e a urgência das obras, foi considerada um dos focos de investimento social da Companhia na região onde implanta o Conjunto Eólico Santo Agostinho. Por meio de um Acordo de Cooperação Técnica com o Departamento de Estradas de Rodagens (DER) do Rio Grande do Norte, assinado no último dia 13 de janeiro, a ENGIE Brasil Energia se responsabiliza por executar as obras de melhoria da via com recursos próprios, enquanto o DER se compromete com a manutenção preventiva e corretiva da rodovia estadual a partir da comunicação formal pelo Conjunto Eólico Santo Agostinho da conclusão das obras de recuperação da RN-129.  

As melhorias na RN-129 vão beneficiar diretamente a comunidade local, além de possibilitar o trânsito de colaboradores e o acesso das máquinas e equipamentos ao canteiro de obras do Conjunto Eólico Santo Agostinho. “É compromisso da ENGIE deixar um legado positivo em todas as cidades em que está presente. Não seria diferente em Lajes, cidade que nos acolheu tão bem para a implantação do Conjunto Eólico Santo Agostinho. Acreditamos que essa reforma irá beneficiar os moradores de Lajes, Pedro Avelino e Pedra Preta, ofertando mais segurança, comodidade e desenvolvimento para a região”, afirma o gerente de projeto da ENGIE Brasil Energia, Giuliano Pasquali. 

MEDIDAS DE SEGURANÇA A SEREM SEGUIDAS DURANTE REFORMA DA RN-129 

  • Reduza a velocidade conforme placas de sinalização instaladas nos locais de recuperação da RN-129. 
  • Evite ultrapassagem. 
  • Reduza a velocidade ao se aproximar de veículos de grande porte. 
  • Respeite as orientações dos sinaleiros nos trechos com PARE e SIGA. 
  • Nos trechos em recepção a velocidade máxima permitida será de 40km/h. 

CONJUNTO EÓLICO SANTO AGOSTINHO 

O Conjunto Eólico Santo Agostinho fica situado entre as cidades de Lajes e Pedro Avelino, contemplando a instalação de 70 aerogeradores, com 200 metros de altura cada um, o equivalente a um prédio de cerca de 70 andares. Com investimentos de R$ 2,3 bilhões, o empreendimento terá uma capacidade instalada de 434 MW, com a entrada em operação comercial prevista para ocorrer até março de 2023.  

Além dos impactos positivos à comunidade por meio da recuperação da rodovia, a implantação do empreendimento também deve gerar cerca de mil empregos diretos, dos quais 950 já se tornaram realidade. Todo esse contingente está envolvido nas atividades de construção civil e instalação dos componentes, além da atuação de especialistas nas áreas socioambientais e de arqueologia. 

Postado em 25 de janeiro de 2022