Mossoró/RN, 01 de Julho de 2022

Venezuelanos não pagam no Restaurante Popular de Mossoró

Vinte e uma famílias que somam 84 pessoas da etnia indígena Warao da Venezuela que vivem em Mossoró, que se encontram em situação de extrema pobreza e de insegurança alimentar, agora têm direito   refeições diárias gratuitas pelo Programa Restaurante Popular do Governo do Estado executado pela SETHAS. No Estado, a isenção atende mais de duas mil pessoas refugiadas, apátridas, migrantes e em situação de rua.

A isenção da cobrança de taxas para as famílias Warao começou a valer a partir dessa quinta-feira (10/02) mas outros grupos de venezuelanos na condição de refugiados, apátridas e migrantes já são contemplados com a gratuidade.

Para atender a esse público específico, o CERAM (Comitê Estadual Intersetorial de Atenção aos Refugiados, Apátridas e Migrantes) e a UERN (Universidade do Estado do Rio Grande do Norte) articularam o benefício junto à SETHAS.

Saiba mais…

Postado em 13 de fevereiro de 2022