Mossoró/RN, 06 de Julho de 2022

Prefeitura de Mossoró rebate Styvenson e diz que ele age “com desconhecimento das informações”

A Prefeitura de Mossoró divulgou nota rebatendo o senador Styvenson Valentim que tem publicado seguidos vídeos nas redes sociais cobrando aplicação de recursos de emendas destinadas para a saúde pública local.

Segundo o Município, o parlamentar faz “acusações infundadas” e age “com desconhecimento das informações”.

A Prefeitura de Mossoró afirma que está aplicando os recursos destinados para cirurgias eletivas e que já realizou 840 procedimentos, incluindo ginecológicos (264), gerais (107) e oftalmológicos (469).

O Município orienta que Styvenson busque o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) para ter acesso a lista dos nomes dos pacientes que aguardam procedimento cirúrgico. “O Município não tem autorização dos pacientes para expor seus nomes e outras informações privadas”, argumenta.

A Prefeitura de Mossoró diz que a lista de pacientes que aguardam por cirurgia eletiva em Mossoró foi enviada em fevereiro deste ano para o MPRN, conforme solicitado pela Promotoria de Justiça da Saúde.

Confira a nota na íntegra abaixo:

A Prefeitura de Mossoró, através da Secretaria Municipal de Saúde, esclarece que a lista de pacientes que aguardam por cirurgia eletiva em Mossoró foi enviada em fevereiro deste ano para o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), conforme solicitado pela Promotoria de Justiça da Saúde.

Destaca que todos os valores que chegaram nas contas do município oriundos da emenda parlamentar do Senador Styvenson Valentim para a finalidade da cirurgia eletiva, que totalizam R$ 3.339.993.00, estão sendo aplicados de forma responsável e transparente pela gestão municipal em favor da saúde da população.

Informa que as cirurgias eletivas foram retomadas em 2021, após anos paralisadas. Vale ressaltar que na fila de espera existiam pacientes aguardando cirurgia desde o ano de 2017. Alguns, com sequelas irreversíveis.

O município de Mossoró realizou 840 cirurgias eletivas, sendo estas ginecológicas (264), gerais (107) e oftalmológicas (469) no período de 1 de outubro de 2021 até 7 de abril de 2022. A Secretaria de Saúde trabalha para zerar a fila de cirurgias nos próximos meses.

Orienta que o senador Styvenson busque o MP para ter acesso a lista dos nomes dos pacientes que aguardam procedimento cirúrgico. O município não tem autorização dos pacientes para expor seus nomes e outras informações privadas.

O município mais uma vez lamenta as acusações infundadas do parlamentar, que age com desconhecimento das informações.

A gestão municipal reafirma o compromisso de aplicar cada centavo do município em benefício do povo, de modo que já é feito pela administração desde janeiro de 2021. O município segue à disposição para quaisquer esclarecimentos.

Mossoró-RN, 7 de abril de 2022

Secretaria Municipal de Saúde

Secretaria Municipal de Comunicação Social

Postado em 7 de abril de 2022