Mossoró/RN, 08 de Dezembro de 2022

Isolda Dantas destaca I Feira Nordestina da Agricultura Familiar em Natal

Foto: Eduardo Maia

A I Feira Nordestina da Agricultura Familiar e Economia Solidária (Fenafes), que acontece no Centro de Convenções de Natal entre os dias 15 e 19 de junho, pautou o pronunciamento da deputada Isolda Dantas (PT) na sessão plenária desta terça-feira (14), na Assembleia Legislativa. Autora da lei nº 10.536/2019, que prevê que pelo menos 30% das compras realizadas pelo Governo do Estado sejam de produtos da agricultura familiar potiguar, a parlamentar ressaltou a importância do evento para o setor.
 
“A agricultura familiar do Nordeste vai se encontrar aqui no Estado. A feira terá a participação de mais de 150 cooperativas e associações, 500 expositores e uma expectativa de público de mais de 15 mil pessoas. O evento tem um sentido enorme em vários aspectos. A agricultura familiar é um setor pujante e compõe cerca de 70% da alimentação da população, movimentando expressivamente a economia. Trata-se de um setor determinante para o campo e para a cidade”, disse Isolda.
 
Na ocasião, a parlamentar enalteceu ainda os resultados alcançados por meio da lei de sua autoria. “O Programa Estadual de Compras Governamentais da Agricultura Familiar e Economia Solidária (Pecafes), já está em vigor. Os hospitais, restaurantes populares, escolas públicas estão comprando da agricultura familiar e agora queremos iniciar o processo nos presídios. Isso significa um mercado anual em torno de R$ 100 milhões para o setor. Portanto, faço um convite à sociedade para prestigiar o evento nos próximos dias”, concluiu a deputada lembrando ainda a expectativa de participação do ex-presidente Lula (PT), prevista para o dia 16.
 
Fenafes
 
A I Feira Nordestina da Agricultura Familiar e Economia Solidária (Fenafes) é iniciativa da Câmara Temática da Agricultura Familiar do Consórcio Nordeste, coordenada pela governadora Fátima Bezerra (PT). O investimento de R$ 640 mil do Estado foi garantido por empréstimo junto ao Banco Mundial, por meio do Projeto Governo Cidadão, com apoio da Secretaria de Estado da Agricultura, da Pecuária e da Pesca (Sape).

Postado em 15 de junho de 2022