Mossoró/RN, 19 de Agosto de 2022

Isolda consegue aprovação de Lei que beneficia o audiovisual do RN

Nesta terça, 28, foi aprovado na Assembleia Legislativa o Projeto de Lei “Film Commission”, de autoria da deputada estadual Isolda Dantas (PT). A comissão fílmica é uma ferramenta ferramenta artística-política-econômica que deve garantir que o Rio Grande do Norte terá um órgão para agilizar produções audiovisuais [séries, programas de TV, videoclipes, publicidade, longas e curtas-metragens] que pretendam utilizar o Estado como cenário.

A Potiguar Film Commission ou Comissão do Filme Potiguar foi uma construção do mandato de Isolda em parceria com os artistas potiguares, Secretaria Estadual de Turismo e Fundação José Augusto.

“A ideia é centralizar ações de licenciamento, incentivos econômicos, dentre outras, priorizando a produção local, tornando o estado mais atrativo para produções nacionais e estrangeiras e promovendo a desburocratização garantindo a atração e liberação de filmagens, assegurando uma economia sustentável para toda a cadeia produtiva local”, defendeu Isolda. 

A proposta é que as paisagens naturais: as litorâneas, as de mata fechada e aquelas relacionadas ao semiárido sirvam de locações para produções de cinema, TV e demais plataformas. Além de movimentar a economia do audiovisual, a atividade é responsável pelo impacto positivo em outros setores, como o turismo e o comércio local. 

A FC contribui para produção cultural audiovisual local, mas também, em relação ao turismo, porque afinal de contas, as produções vêm e acabam divulgando tanto nosso capital pessoal profissional, como divulgando também o Estado. “Pra falar de algumas produções recentes têm: Bacurau gravado na região do Seridó; o curta-metragem Sideral indicado ao festival de Cannes e premiado pelo Brasil inteiro; Artistas potiguares participando de novelas globais e seriados por streaming… tem muito a ver com isso a questão da Potiguar Film Commission”, afirmou a deputada. 

Agora, o PL depende da sanção da governadora Fátima Bezerra (PT) para se tornar Lei e começar a valer no Estado.

Postado em 28 de junho de 2022