Mossoró/RN, 30 de Novembro de 2022

Copa do Mundo deve injetar R$ 80 mi a mais no comércio do RN

O Sistema Fecomércio RN lançou, nesta quarta-feira, dia 26, a campanha “Compre de quem tá perto”, que tem como objetivo principal a promoção e valorização do comércio local. O lançamento ocorreu em evento com empresários, realizado no Sesc Rio Branco, em Natal.   

O comércio de Bens, Serviços e Turismo são as principais atividades econômicas do Rio Grande do Norte. São mais de 200 mil empreendimentos no estado que geram ocupação para 400 mil pessoas, sendo 320 mil de carteira assinada. O Comércio é responsável por 70% do ICMS arrecadado no RN.   

A campanha “Compre de quem tá perto” tem a intenção de despertar a consciência do consumidor de que comprar de uma empresa local vai fazer com que o dinheiro continue circulando por perto, gerando renda e emprego para o povo potiguar.    

O presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, destaca que não se trata de uma campanha contra o e-commerce ou que ignora as novas formas de comprar. “Afinal, muitas empresas potiguares vendem online e são muito bem-sucedidas”.   

De acordo com Queiroz, é preciso buscar meios de fazer com que o consumidor encontre o que procura, mesmo on-line, mas de uma empresa que pode estar no mesmo bairro que ele.   

“Nosso principal ponto é fazer o consumidor refletir que, quando ele compra de uma empresa de fora, distante e sem presença no estado, o dinheiro dele também está indo para fora, deixando de gerar transformação social e desenvolvimento aqui no RN. Para se ter uma ideia, com as compras em outros estados chegamos a uma perda estimada, apenas em impostos diretos, da ordem de R$ 75 milhões por ano para o Rio Grande do Norte”, completa.   

Para despertar o empresariado a aproveitar as oportunidades dos dois últimos meses do ano, o evento de lançamento trouxe à Natal um dos maiores especialistas em vendas do Brasil, Thiago Reis. Em sua palestra, ele trouxe ideias e estratégias para se posicionar perante o cliente e conquistar a venda.   

Copa do Mundo deve injetar R$ 80 milhões a mais no comércio  

A campanha “Compre de quem tá perto” chega em um momento oportuno e de alta para todo o comércio. As vendas de final de ano – tanto a Black Friday, em novembro, como o Natal, em dezembro – são as melhores datas para o movimento do comércio.   

Mas, em 2022, o comércio tem ainda mais um motivo para comemorar. A realização da Copa do Mundo de Futebol no Qatar vai movimentar os norte-riograndenses e aquecer a economia. De acordo com pesquisa realizada pelo Instituto Fecomércio RN, em Natal e Mossoró, 8 em cada 10 pessoas pretendem acompanhar os jogos do mundial.   

Essa movimentação toda deve injetar cerca de R$ 80 milhões no comércio. As projeções indicam que os natalenses e os mossoroenses devem ir às compras para adquirir, principalmente, itens de vestuário, alimentos e bebidas, itens de decoração, eletrodomésticos e eletroeletrônicos.    

O natalense pretende gastar, em média, R$ 144,32. Já o mossoroense vai ter um gasto médio de 125,33. Um detalhe importante é que, quem pretende pagar com o cartão de crédito parcelado está mais disposto a gastar mais do que quem vai pagar à vista. Essa diferença pode chegar a 25% entre os natalenses.    

Postado em 26 de outubro de 2022